Projetos Cultura e Conhecimento

Cultura e Conhecimento

Fortalecimento Institucional e Político

Atividades Produtivas e Geracao de Renda

Monitoramento Ambiental e Territorial

A cultura Mẽbêngôkre é fundamental para todas as ações da AFP. Nesta linha, contemplamos ações de promoção, valorização e difusão da cultura Mẽbêngôkre, tanto em seus aspectos ditos tradicionais como na interface com o restante do mundo, as novas tecnologias e formas de se relacionar com a sociedade. Para alcançar estes objetivos trabalhamos no desenvolvimento de processos formativos, como a formação em audiovisual e a formação complementar de professores indígenas, além de publicação de livros, materiais audiovisuais, a realização de cursos, intercâmbios e eventos.

::: Acompanhamento Pedagógico :::

::: Acompanhamento Pedagógico :::

Os acompanhamentos pedagógicos visam promover, no contexto específico de cada comunidade, as discussões realizadas no Programa dos Cursos de Formação Complementar de Professores e incentivar a aplicação dos conteúdos pedagógicos trabalhados. O Acompanhamento Pedagógico é um momento para que os Professores Mẽbêngôkre-Kayapó preparem, com a ajuda de consultores especializados, as nossas próprias aulas de acordo temas e metodologias vistas durante os cursos. Trabalhamos cotidianamente muitas vezes como assistentes dos professores não-indígenas das escolas, mas durante o acompanhamento temos a oportunidade de assumir plenamente as aulas com mais confiança e autonomia na prática docente. Também é uma oportunidade para promover nas nossas escolas o uso dos materiais didáticos que produzimos. Além disso, os acompanhamentos permitem uma atenção mais específica para a atuação de cada professor e para a nossa comunidade, voltando o olhar para as diferenças e convergências internas da educação...

::: Coletivo Beture :::

::: Coletivo Beture :::

O Coletivo Beture é um movimento dos Mekarõ opodjwyj - cineastas indígenas Mẽbêngôkre-Kayapó das aldeias que fazem parte da Associação Floresta Protegida - AFP. Denominamos o Coletivo de Beture, tal como uma formiga que encontramos em nosso território, caracterizada por ter uma mordida bastante potente, a cabeça vermelha e a bunda preta, assim como nós nos pintamos para a guerra. O coletivo surgiu em 2015 e tem contribuido para organizar e estruturar um movimento da juventude que vem surgindo em muitas comunidades. A juventude Mẽbêngôkre-Kayapó deseja registrar a vida e a cultura de seu povo a través das tecnologias audiovisuais e diversas mídias. Hoje o coletivo desempenha um papel fundamental na conquista de reconhecimento cultural assim como na visibilidade das nossas estruturas políticas.  Desde então, formações audiovisuais tem sido realizadas com o objetivo de potencializar as produções do coletivo e ofertar aos cineastas mais conhecimento sobre as técnicas de captaç...

::: Curso de Campo :::

::: Curso de Campo :::

Desde 2007, a Associação Floresta Protegida realiza o curso de campo “Conservação, Vida Social e Desenvolvimento entre o Povo Indígena Kayapó do Sudeste da Amazônia”, voltado para estudantes de graduação e pós-graduação. O curso é realizado todos os anos, entre os meses de julho e agosto, na aldeia A´Ukre e na reserva do Pinkaiti, localizadas na Terra Indígena Kayapó. O projeto é desenvolvido em parceria com a Universidade de Brasília (UnB) Universidade Federal do Pará (UFPA), a Universidade de Maryland (EUA) e a Universidade de Purdue (EUA).O curso oferece à nossa comunidade uma alternativa sustentável de geração de renda e um papel protagônico na difusão e valorização do conhecimento tradicional, em complementariedade com o conhecimento acadêmico relevante para a conservação da diversidade biológica e cultural da Amazônia. É uma experiência de vida marcante para os participantes que podem aproximar-se de um novo olhar sobre o cotidiano da aldeia através da visita guiada pelos memb...

::: Feira Mẽbêngôkre de Sementes Tradicionais :::

::: Feira Mẽbêngôkre de Sementes Tradicionais :::

“Estamos aqui trocando sementes, mas ao mesmo tempo nossa cultura está se fortalecendo, temos essa preocupação de que nossos costumes não venham a acabar, então estamos aqui presentes com objetivo de mostrar nossa cultura para as crianças, para que a juventude possa aprender, para que nossa gente, nosso povo seja mantido e preservado. Eu estarei sempre lutando por isso”, disse Tuire durante a I Feira Mẽbêngôkre de Sementes Tradicionais.

::: Formação Complementar de Professores :::

::: Formação Complementar de Professores :::

O programa tem como objetivo contribuir para a consolidação do direito à educação escolar diferenciada, fomentando discussões sobre o papel da escola nas comunidades e incentivando a autonomia dos professores Mẽbêngôkre-Kayapó em diversas esferas da educação escolar: no planejamento e desenvolvimento de aulas e na discussão dos programas pedagógicos das escolas Mẽbêngôkre-Kayapó, com a participação das lideranças das comunidades. Parte importante do processo é a elaboração de material didático próprio, produzido na língua materna, e a reflexão sobre o ensino da língua, em especial na sua realização escrita. O Programa, promovido pela Associação Floresta Protegida, teve início em 2012 e vem sendo coordenado, desde então, pela educadora Maria Cristina Cabral Troncarelli.Este processo de formação foi em grande parte motivado pelo nosso desejo de preservar e defender o território e contribuir na transformação da escola em um espaço de valorização do conhecimento tradicional que inc...

::: Geração de Energia Elétrica :::

::: Geração de Energia Elétrica :::

O trabalho da AFP relacionado a geração de energia solar para as aldeias Mẽbêngôkre-Kayapó se divide em duas frentes: a geração de energia para uso doméstico e sistema off grid para fornecer energia para as casas de cultura de cada aldeia. As experiências piloto com geração de energia para uso doméstico tiveram início em 2015 com a compra e distribuição de modelos de lanternas e carregadores USB movidos a energia fotovoltaica com tecnologia e design de ponta através de parceiros. Com o bem-aceite das lanternas, em 2019, cada casa recebeu uma lanterna de Sistema Mobiya utilizadas para iluminação noturna durante as caçadas coletivas, coleta de produtos florestais, pesca, produção da cultura material e para demais atividades cotidianas. Dentre os objetivos do eixo Educação e Cultura, as atividades para geração de energia fotovoltaica promove o registro e difusão de materiais produzidos pelo Coletivo Beture e favorece a cadeia de transmissão de saberes tradicionais atravé...

::: Produção de Materiais Didáticos em Mẽbêngôkre :::

::: Produção de Materiais Didáticos em Mẽbêngôkre :::

Como resultado do trabalho realizado pelos professores Mẽbêngôkre nas duas primeiras etapas de cursos de Formação Complementar promovidos pela Associação Floresta Protegida, realizadas em 2012 e 2104, conseguimos elaborar e publicar o livro de alfabetização “Mẽprĩre kute Mẽbêngôkre kabẽn mari kadjy ’ã pi’ôk nẽ ja”. O livro foi impresso em 2015 e já serviu como material de base para o terceiro curso de Formação Complementar de Professores, que ocorreu em outubro, na aldeia Rikaró. Nesta etapa, os professores Mẽbêngôkre elaboraram planejamentos de aulas para usar o material nas aldeias com os seus alunos.O livro, elaborado por 57 professores do povo Mẽbêngôkre e organizado pela prof. Maria Cristina Troncarelli, teve a grafia da língua Mẽbêngôkre, consensuada pelos professores indígenas, após um processo de estudo e reflexão que contou com a contribuição do linguista Lucivaldo Costa, da Universidade Federal de Marabá/PA. O objetivo da publicação é desenvolver a alfabetização de cr...

::: Projeto Kikre: a Casa Kubengôkre :::

::: Projeto Kikre: a Casa Kubengôkre :::

Diante da demanda das comunidades de construir nas aldeias “casas de kubẽ” (casas de branco) e da oportunidade de executar um projeto comunitário de compensação por impactos ambientais, desenvolvemos um processo de planejamento participativo de moradias para 22 aldeias. A través de dinâmicas de sensibilização corporal com o espaço, apreciação de maquetes desmontáveis, animações em 3D e um laboratório de pesquisa dos principais aspectos da casa tradicional Mẽbêngôkre-Kayapó chegamos a uma composição híbrida que resgata diferentes elementos para chegar à Casa Kubengôkre. Cobinamos os saberes da assessoria em arquitetura com os tradicionais. A tradição Mẽbêngôkre-Kayapóde geralmente é dinâmica e implica na apropriação de elementos externos. Existe um grande desejo de grande parte dos Mẽbêngôkre-Kayapó de que as casas sejam mais duráveis, permanecendo durante mais tempo no mesmo lugar sem que tenha que ser reconstruida com tanta frequência. A proposta combinou a...